×

Aviso

There was a problem rendering your image gallery. Please make sure that the folder you are using in the Simple Image Gallery Pro plugin tags exists and contains valid image files. The plugin could not locate the folder: media/k2/galleries/3050

Imprimir esta página
Parceria entre a Prefeitura e o Incra vai beneficiar 300 famílias em Lagarto

Parceria entre a Prefeitura e o Incra vai beneficiar 300 famílias em Lagarto Destaque

Dia histórico para 300 famílias de assentados no município de Lagarto. Em uma parceria da Prefeitura, através da Secretaria Municipal da Agricultura com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) viabilizou o Projeto de aplicação de crédito nas Modalidades Fomento e Fomento Mulher, dentro do modelo de investimento de recursos definido no Decreto 9.424/2018.

Um benefício de origem federal, único, com valores de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) para mulheres e até R$ 6.400,00 (seis mil e quatrocentos reais) para homens, como uma espécie de empréstimo para o trabalhador rural, para viabilizar projetos produtivos de promoção da segurança alimentar e nutricional e de estímulo à geração de trabalho e renda, que pode ser dividido em duas operações de até R$ 3,2 mil (três mil e duzentos reais) por família assentada no caso do Fomento.

“O diferencial é que neste empréstimo o beneficiário tem um perdão de 80% e ainda tem o prazo de 12 meses para quitar apenas 1.600,00 (um mil e seiscentos) no caso das mulheres elas só pagam R$ 1.000,00 (Um mil reais) o que representa apenas 20% do crédito. A obrigação de cada beneficiário é abrir uma conta no Banco indicado que todo o valor seja aplicado no projeto”, explicou o secretário Fábio Frank.

Outro importante detalhe destacado pelo secretário é que graças a parceria com a Prefeitura, desta vez não há participação dos chamados atravessadores, profissionais que eram exigidos pelo convenio o que representava um desconto de até 4% do valor que eles recebiam. Graças à intervenção do executivo municipal não há qualquer custo adicional.

Um dos responsáveis pelo projeto em Lagarto, o engenheiro agrônomo Valdson Soares, destacou que a Semagri visitou treze assentamentos e avaliou as principais necessidades de cada família apta e os foram os próprios futuros beneficiários que tiveram a autonomia de escolher o ramo que mais lhe seria adequado. Diferente de projetos passados que obrigavam o produtor a aceitar e investir em um ramo especifico que ele não tinha qualquer esclarecimento.

Os cadastros foram efetuados nesta quinta e sexta-feira na sede da secretaria. A exemplo de Dona Maria Terezinha de Jesus, que foi visitada se inscreveu e espera ser aprovada para investir em uma granja especifica de galinhas e frangos caipiras, uma lida com a qual tem muita afinidade.

Ainda de acordo com o secretário, após a assinatura dos contratos com os beneficiários considerados aptos, o Incra autoriza o Banco do Brasil a creditar o valor referente à modalidade solicitada, com movimentação feita por meio de cartão magnético individual, em nome da mulher (se for casal), sendo o mesmo válido para todas as modalidades.

Ler 176 vezes Modificado em Sexta, 20 Dezembro 2019 10:51

Galeria de Imagens

{gallery}3050{/gallery}