Ultimas Noticias
×

Aviso

Simple Image Gallery Pro Notice: Joomla!'s /cache folder is not writable. Please correct this folder's permissions, clear your site's cache and retry.

Problemática da obra de esgotamento sanitário: quando virá uma solução?

Problemática da obra de esgotamento sanitário: quando virá uma solução? Destaque

Mesmo depois de um ano de iniciada as obras da Rede de Esgoto, os transtornos não têm fim. Orçada em R$ 95 milhões de recursos dos Governos Estadual e Federal, Deso e Caixa Econômica Federal e com promessa de que seria finalizada ainda este ano, o serviço tem gerado reclamações de pela população pela demora, paralisações e com serviços irregulares.

IMG 3431

Reuniões com a empresa responsável e órgãos estaduais, e até com o Ministério Público, provocados pela Prefeitura de Lagarto, têm acontecido, mas mesmo assim, tudo parece andar a passos lentos. Por conta disso, o promotor de Justiça, Antônio César Leite, da Curadoria de Defesa do Patrimônio Público e Meio Ambiente reuniu mais uma vez representantes pela obra para uma audiência pública.

Nesta quinta-feira, 5, estiveram com Dr. Antônio César, Gabriel Campos (da Deso), Paulo Roberto (da Beck Engenharia), Antônio Carlos (da MRM), Noel Souza (Secretário Municipal de Obras), Gustavo José (Caixa Econômica Federal), Bruno Lima (Procurador-Geral do Município), Fábio Henrique (Agência Reguladora do Município) e Jean Carlos (Agência Reguladora do Estado).

IMG 3393

Aberta a audiência, o promotor de justiça explicou os termos do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado em fevereiro do corrente ano e expondo a problemática decorrente das obras de esgotamento. “Vamos ser parceiros com a prefeitura na forma de fiscalizar questões de meio ambiente e cumprir a lei”, disse.

O representante do Banco financiador informou que a falta de certidões e obrigações mensais das empresas responsáveis repercutem na liberação de recursos. Somente com a adimplência do Governo do Estado, o recurso estará liberado porque se encontra disponível.

IMG 3403

Por sua vez, Gabriel (da Deso) informou que a situação já contornada em meados de setembro, tirando o Governo da situação irregular. “Quanto ao firmado no TAC, 98% das ruas já foram melhoradas e 72% do total da obra”, esclarecer.

IMG 3405

De acordo com o secretário Noel Souza(branco), mesmo a obra sendo de grande relevância para a ampliação do sistema de esgotamento sanitário de Lagarto, as reclamações agora são dos serviços são irregulares, que não ficaram em seu bom estado quando concluído. “As ruas com maiores problemas são nos Bairros Cidade Nova, Pratas e Alto da Boa Vista e Rua Direita do Bairro Ademar de Carvalho”, disse.

IMG 3407

Ao final, ficou acordado que será apresentado ao Ministério Público, até o dia 20 de outubro, um relatório contendo um novo cronograma relativo as obras especificadas no TAC.

IMG 3389

Ler 119 vezes Modificado em Quinta, 05 Outubro 2017 23:50

Galeria de Imagens

{gallery}1532{/gallery}